Submeter Ideia
Topo

4 meses de Vidas Ubuntu

4 meses de Vidas Ubuntu

Eu sou porque tu és!  ou  A minha história pode mudar a forma como vemos o mundo!

Lembra-se? Já aqui falámos disto.

Já são 4 meses de trabalho em conjunto, à margem de um protocolo que juntou o Ministério da Justiça a inúmeras instituições e empresas privadas.

E neste tempo o projeto Vidas Ubuntu prosseguiu o seu caminho na promoção e defesa dos direitos humanos, mais concretamente, no trabalho para a inclusão social de jovens entre os 14 e os 25 anos que são, na sua maioria, provenientes de contextos vulneráveis. Fazê-lo fora da caixa e deixar que sejam os protagonistas dessas histórias a contar a sua história, à sua maneira. Levar o outro a compreender, porque só compreendendo se pode aceitar.

Desta vez, o que lhe queremos mostrar é o trabalho feito até agora.

Depois de produzir todos os materiais desenvolvidos para a comunicação do projeto, depois de divulgar o projeto junto das escolas e demais instituições, depois de reunir com os vários parceiros tento em vista o planeamento e funcionamento do projeto, e depois de assinar o protocolo de cooperação que une instituições, empresas e sociedade civil com vista à capacitação para um futuro melhor, o que mais se fez?

Ora veja.

Com o objetivo de chegar a 1950 jovens, envolvendo 150 Psicólogos/Professores/Técnicos e chegando a 130 instituições, fez-se o lançamento das formações para professores e técnicos da área da educação, e os workshops Vidas Ubuntu em escolas de Lisboa e do Porto.

Entre outubro e novembro foi feita a formação para Professores e Técnicos da área de Educação –  32 horas de formação, para um total de 57 participantes, entre Lisboa e Porto. Esta formação pretende transmitir a metodologia Vidas Ubuntu e, para tal, realizam-se várias atividades com o objetivo de cada um aprender a criar as suas próprias histórias. O “aprender fazendo” que deverão assimilar e, posteriormente, transmitir e replicar nas suas organizações.

Ainda se podem inscrever aqui.

Em novembro, e até à data, foram realizados 8 workshops em várias escolas de Lisboa e Porto e até ao final do ano mais 2 escolas e 2 centros educativos serão ainda palco para mais workshops.

8 workshops para um total de 128 participantes.

Até ao final do projeto terão sido realizados:

  • 50 workshops que envolverão
  • 750 jovens num universo de
  • 41 escolas, 3 centros educativos e 6 Lares de Infância e Juventude, IPSS, Associações, etc.

Ainda, 80 projetos do Programa Escolhas vão envolver 1200 jovens através da metodologia do Vidas Ubuntu.

 

Já na agenda para 2017

Logo em janeiro está prevista a 2.ª edição da Formação “Vidas Ubuntu na Escola”. Esta formação, destinada a Professores e outros Técnicos da área da educação, é vital na ‘passagem do testemunho’ que fundamenta a metodologia Vidas Ubuntu.

Aqui encontram mais informação e, relembramos, ainda se podem inscrever aqui.

Na agenda do Vidas Ubuntu Lisboa, a adesão aos workshops foi de tal forma significativa que as inscrições estão completamente preenchidas até junho de 2017 – serão 18 workshops para cerca de 270 jovens.

Na agenda do Vidas Ubuntu Porto ainda têm disponibilidade de se inscrever mas só para quem quiser participar a partir de março – para já tem 8 workshops marcados para cerca de 120 jovens.

Inserido no Programa Escolhas estão já previstas 2 formações para técnicos e monitores do Programa Escolhas no mês de Fevereiro e o desafio “Vidas Ubuntu no meu Escolhas” de Março a Maio de 2017.

 

Vidas Ubuntu. Histórias para contar!

Acompanhe este projeto www.vidasubuntu.pt